Blog de viagens escrito por Luísa e Marcelo Colombo. Roteiros de viagem, planejamento e notícias para inspirar e facilitar a viagem dos seus sonhos. 

Caso tenha dúvidas sobre como viajar, queira trabalhar em conjunto, ou simplesmente para dar um Olá, nos mande um e-mail. 

     

faleconosco@dizquefuiporai.com

6 coisas para fazer em Madri de graça!

12 Jul 2017

 

De muitas maneiras, Madri é semelhante a muitas outras metrópoles europeias - é a maior cidade da Espanha, tem a maior população, é a capital e é um centro de negócios internacionais. Mas, antes de tirar conclusões, vamos com calma, rs... Prestando bem atenção você ouvirá as melodias gentis da guitarra espanhola, verá a saia de um dançarino de flamenco e as risadas felizes de uma refeição do meio-dia regada a muita sangria. Sim, Madrid é para viajantes interessados em pinturas famosas e arquitetura deslumbrante, mas também é, e talvez mais, para aqueles que procuram curtir um bom tempo sem pressa. É sem dúvida uma capital para aproveitar com intensidade! 

 

E quer melhor maneira para começar a aproveitar Madri sem coçar o bolso? Bom, né? Então vamos as nossas 6 coisas preferidas para fazer na cidade absolutamente de graça!

 

Mercado San Miguel

Plaza de Oriente, 3 

 

 

Este mercado de ferro fundido, fica ao lado da Plaza Mayor, é um favorito entre viajantes e moradores locais. Os visitantes podem comprar um pouco de vinho, pegar um café, fazer um lanche com uma variedade de tapas prontas para comer, ou pegar alguns ingredientes para o jantar depois, de frutas, a mariscos e barracas de carne estão disponíveis.

 

No Mercado San Miguel há uma vasta seleção de alimentos oferecidos, bem como a atmosfera divertida e vibrante, dando aquela vontade de ficar comendo no mercado o dia todo. A atração é de graça, mas tudo lá é pago, algumas barracas não são baratinhas, o negócio é pechinchar. De qualquer forma, é imperdível, mesmo que seja para dar uma voltinha. Você encontrará o mercado a oeste do centro da cidade (Puerta del Sol).

 

Plaza Cibeles

Plaza de Cibeles 

 

A Plaza de Cibeles é considerada a praça mais famosa de Madri. Localizado ao longo do centro da Calle de Alcalá  e adjacente ao Paseo del Prado (a rua que abriga os museus Prado e Thyssen), a praça e sua arquitetura deslumbrante é uma grande atração. O prédio principal na praça, o Palácio das Comunicações, era anteriormente um escritório de correios, mas agora serve como prefeito da cidade. A fonte apresenta a deusa romana Cybele, que representa a Terra, a agricultura e a fertilidade. A deusa não foi oficialmente adotada pelo time de futebol da cidade (Real Madrid). Quando o Real Madrid, ou a seleção espanhola, ganham um título, a cidade realiza um desfile que termina em Cibeles com um dos jogadores que prende a bandeira da equipe ao Cybele. Legal, né?

É possível entrar em áreas selecionadas do Palácio, incluindo o convés de observação que oferece vistas panorâmicas sobre a cidade. Nas demais é preciso pagar, mas custa apenas € 2 para entrar. Visitar a praça à noite, é uma ótima opção para tirar boas fotos, pois as luzes que iluminam o edifício e a fonte destacam os detalhes arquitetônicos únicos da praça. Você pode chegar à Plaza de Cibeles da estação de metro do Banco de España.

 

 

Parque Del Retiro

Entre C. Alfonso XII e Avenida de Menendez Pelayo 

 

Ao leste do centro de Madri, o Parque del Buen Retiro (Parque do Retiro) pode ser traduzido como "O Retiro", e é isso que é - uma extensa área de vegetação exuberante cheia de jardins formais, lagos, cafés e muito mais. Este parque de 300 hectares anteriormente abrigava palácio e jardins de Felipe IV e não se tornou aberto ao público até meados do século 18 logo após a maioria dos edifícios reais serem destruídos por um incêndio.

 

O bacana é fazer um piquenique durante o dia. O parque não é muito recomendado a noite, mas quem está acostumado com as coisas por aqui, isso não chega a ser muito problema. É só ficar de olho e nada acontece. Você chega no parque descendo nas estações de metro do Retiro, Atocha ou Ibiza.

 

Plaza Mayor

Plaza Mayor 

 

Esta praça, localizada no coração de Madri, é mais uma atração imperdível, sendo uma visita obrigatória. Rodeado por cafés e bares, a Plaza Mayor pede praticamente a todos que se sentem, comprem um café ou um copo de vinho (dependendo da hora do dia) e apenas aprecie o vai e vem dos muitos que passam por lá. Na praça costumam estar vários artistas de rua que colocam seus pés aqui para entreter. A praça começa a encher a partir das 14hs. E continuará enchendo a medida que o dia passa. Se você se encontra em Madri durante os feriados, os moradores recomendam visitar os mercados de férias na praça. É o cartão postal da cidade, então aproveite para tirar muitas, muitas fotos!

 

Você encontrará a praça a oeste da Puerta del Sol, facilmente acessível através do metrô das paradas Sol ou Opera.

 

 

Plaza de la Puerta del Sol

Plaza de la Puerta del Sol 

 

O verdadeiro centro de Madri - marco zero da cidade - a Puerta del Sol é cheia de fontes, lojas, restaurantes e muitas pessoas. Se você está procurando um lugar para descansar os pés depois de um longo dia de caminhada, ou um lugar tranquilo para ficar, aqui não é o lugar, rs. A área está sempre lotada, especialmente durante a noite, quando a cidade ganha vida com pessoas que passam pela praça olhando para festa nos bares mais badalados de Madri (muitos dos quais estão situados no aqui). É o melhor lugar para saborear a vida e a vitalidade do Madri, por isso, mesmo que você vá jantar, não deixe passar a oportunidade de caminhar e entrar na área. Se você estiver visitando a cidade durante o Ano Novo, a Puerta del Sol é a Times Square da Espanha. É onde acontece todo o agito!

Você chega lá descendo na parada de metro Sol.

 

 

Mercado El Rastro

Calle de la Ribera de Curtidores, 18

Saia da estação de metrô La Latina e caminhe pela Calle de las Maldonadas para um dos mercados de pulgas mais populares de Espanha, El Rastro. Datado do século XV, o mercado começa na Praça de Cascorro e é concentrado principalmente na Calle de Ribera de Curtidores, terminando em Ronda de Toledo. Nas ruas, incluindo a Calle San Cayetano, existem centenas de comerciantes vendendo tudo, desde lembranças a antiguidades e até itens domésticos comuns. 

 

El Rastro tem uma atmosfera única, especialmente pela música ao vivo. A dica aqui é explorar as ruas laterais adjacentes à rua principal para uma maior seleção de lembrancinhas com preços mais camaradas. 

 

O mercado está aberto apenas aos domingos e aos feriados das 9h às 19h. Planeje chegar cedo já que tudo começa a encher já às 11 horas. Ah, o que tem de pickpoket aqui não tá no gibi, então fique esperto! 

 

E aí, tá com viagem planejada pra lá? Já foi? Conta pra gente!

 

Está procurando a hospedagem da sua viagem? Faça a melhor pesquisa pelo Trivago! É grátis e você ainda ajuda o blog a continuar trazendo as melhores dicas de viagem!

Basta clicar no banner abaixo! :)

Please reload

+Histórias
Please reload

Nossas Categorias
Please reload

inscreva-se na nossa newsletter

Não quer perder nenhuma dica? Então inscreva-se na nossa newsletter!

Ah, nós também odiamos spam.